Fechar busca

9 dicas para você tirar o melhor proveito do seu peso-padrão

Publicado em


  • Indique esse artigo
9 dicas para você tirar o melhor proveito do seu peso-padrão

De uso indispensável para verificar se o equipamento está pesando corretamente, o peso-padrão pode ter vida útil prolongada com alguns cuidados.

O peso-padrão é o padrão de referência especialmente desenvolvido para a calibração, ajuste ou simples conferência dos mais variados tipos de balança, daí a sua extrema importância para quem faz uso de equipamentos de pesagem.

Os pesos-padrão podem ser adquiridos individualmente ou em coleções, como ainda em diferentes tamanhos e pesos, de modo a atender as mais diversas necessidades. Devem ser fabricados de acordo com a Portaria Inmetro 233/94 (base na edição do ano de 1994), segundo a recomendação R111 da Organização Internacional de Metrologia Legal (OIML).

Indispensável para quem possui qualquer tipo de balança, com destaque nos processos laboratoriais, o peso-padrão pode dispor de câmera de ajuste, capaz de corrigir os erros que, ocasionalmente, possam surgir devido ao desgaste. Para prolongar a vida útil de seu peso-padrão, basta seguir as seguintes recomendações:

  1. Todo cuidado é pouco ao manusear o peso-padrão. Assim sendo, deve ser manuseado utilizando acessórios, tais como: pinças, luvas ou manuseadores, todos devidamente limpos, de forma suave e nunca arrastando o mesmo no prato ou plataforma da balança. 
  2. Evite o atrito do peso com outras superfícies para não gerar eletricidade estática.
  3. Teoricamente os pesos não deveriam sujar, porém, na prática não é bem assim. Se for realmente necessário limpá-los, jamais limpe-os com materiais abrasivos. Procure limpar, com cuidado, usando um coletor de poeira, pincel ou flanela.
  4. A superfície onde o peso será depositado (prato ou plataforma da balança) também deve estar sempre limpa. Não é demais lembrar que o prato da balança deve ser retirado para se realizar a limpeza.
  5. Armazenar o peso-padrão em seu estojo (original) é outra orientação a ser observada. O peso deve ficar fora do seu respectivo estojo somente pelo tempo necessário.
  6. Além do mais, os pesos-padrão devem ser armazenados no mesmo ambiente do equipamento a ser calibrado. Caso não seja possível, é necessário deixar o peso-padrão por um tempo ao lado da balança para que possa se aclimatizar, ou seja, atingir a temperatura do ambiente onde está o equipamento de pesagem.
  7. Se os pesos forem compartilhados (utilizados por outras pessoas além de você), é necessário antes do uso, atentar se não há danos aparentes.
  8. Importantíssimo: fazer a calibração periódica do peso-padrão no tempo certo, seguindo fatores, como: frequência de uso, ou procedimentos internos e normas que determinam a frequência da calibração de acordo com a criticidade do seu processo.
  9. No entanto, se a peça cair no chão, por exemplo, mesmo que não apresente dano aparente, é necessário nova calibração para que se tenha certeza que suas características metrológicas não foram afetadas.

Enfim, essas recomendações podem garantir uma vida útil prolongada de seu peso-padrão. Com isso você poderá diminuir a frequência das calibrações e economizar dinheiro.


Comentários


  • Indique esse artigo