Fechar busca

Saiba como a cubagem de carga influencia no cálculo do frete

Publicado em


  • Indique esse artigo
Saiba como a cubagem de carga influencia no cálculo do frete

Dependendo do perfil das embalagens, cubar automaticamente 100% da carga transportada melhora a gestão do espaço dos armazéns e dos veículos, aumentando a capacidade produtiva.

A cubagem de carga é extremamente importante para uma melhor eficiência logística, justamente por definir a relação entre o peso de uma mercadoria embalada e o espaço ocupado por ela dentro do veículo destinado ao transporte de cargas. Dessa forma, a cubagem permite identificar exatamente qual é a capacidade de carga de cada veículo, tendo em vista suas limitações de peso e volume, equacionando mercadorias volumosas e pesadas e facilitando o gerenciamento das operações de transporte e entrega, conforme mencionado anteriormente.

É importante destacar também a importância do dimensionamento da carga. Com dados precisos de volumes obtêm-se uma verdadeira representação do espaço que será exigido. Esse conhecimento permite que os operadores e empresas de armazenamento maximizem as receitas, reduzam os custos e melhorem o planejamento de todas as cadeias de suprimentos. Assim, é possível implementar melhor as taxas de preço que reflitam seus custos. Verificar os dados dimensionais fornecidos pelos clientes. Melhorar a gestão de espaço do armazém e dos veículos. 

Com a concorrência acirrada das empresas de logística, quem não investir em processos mais rápidos e precisos, não vai conseguir preços competitivos. Tão relevante quanto evitar extravios de cargas subutilização da frota e do armazém, Cobranças erradas podem gerar prejuízos elevados e transtornos com os principais clientes. 

Por isso, dependendo do perfil das embalagens, é desejável cubar automaticamente 100% da carga transportada para melhorar a gestão do espaço dos armazéns e dos veículos, aumentando assim a capacidade produtiva. 

Mas como fazer uso da cubagem para calcular o valor do frete utilizando, por exemplo, transporte rodoviário, aéreo e marítimo?

Quando uma carga possui grande volume e pouco peso, a tarifa será determinada em função do volume efetivamente ocupado no transporte. A diferença é que o peso real é aquele indicado na balança. Já o peso cubado é a forma de cálculo definida para cargas com característica volumétrica superior ao peso real, dado pela fórmula comprimento x largura x altura.

Para tanto, é preciso levar em conta o fator de cubagem, ou seja, um número constante que equivale a um metro cúbico dentro do veículo usado para o transporte.

Cada modal possui um fator de cubagem diferente, dada a diferença da capacidade de carga de cada meio. 

  • Rodoviário: 1m³ =300kg
  • Aéreo: 1m³ = 166,7kg
  • Marítimo: 1m³ = 1.000kg

 

Exemplos:

No rodoviário:

Peso cubado = comprimento x largura x altura x 300

Considerando a embalagem de 0,80m x 0,50m x 0,40m x 300

Peso cubado deste volume é igual a 48 kg


No aéreo: 

Peso cubado = comprimento x largura x altura x 166,7

Considerando a embalagem de 0,80m x 0,50m x 0,40m x 166,7

Peso cubado deste volume é igual a 26,6 Kg

 

No marítimo:

Peso cubado = comprimento x largura x altura

Considerando a embalagem de 0,80m x 0,50m x 0,40m x 1.000

Peso cubado deste volume é igual a 160 kg

 

Enfim, a cubagem de carga é muito importante, porque ela influencia diretamente no calculo do frete, gerando aumento na rentabilidade e maior produção para as empresas logísticas. 


Comentários


  • Indique esse artigo