Toledo do Brasil

Busca de produtos
Boleto XML
Navegue pelas categorias:

Labortex

Labortex se torna pioneira e instala dosador automático em seu processo de produção

Solução da Toledo do Brasil automatizou o processo e simplificou a montagem de novas fórmulas




Cliente

Cliente

Fundada em 1951 no bairro da Água Rasa em São Paulo, a Labortex iniciou suas atividades inicialmente voltada para produção de peças para indústria têxtil, eletrodomésticos e revestimento de cilindros para indústria gráfica. Com o passar dos anos, a empresa aumentou seu leque de produtos e atualmente é uma das maiores fabricantes de artefatos técnicos de borracha, especializada no desenvolvimento e produção de composto e peças destinadas a vários segmentos de mercados, principalmente no automobilístico.

A Labortex possui uma unidade e está localizada em Santo André, cidade do ABC paulista. A empresa exporta alguns de seus itens, dentre os principais produtos, os derivados de negro de fumo são um dos mais importantes para a companhia, pois exigem um controle muito grande no seu processo produtivo.

Problema

Problema

Dentro do processo de produção do negro de fumo, uma das principais etapas é a dosagem correta dos ingredientes, qualquer item que seja misturado a mais ou a menos no processo, faz com que o produto final não tenha o padrão de qualidade exigido. Para isso, a Labortex contava com um dosador que lia as fórmulas necessárias para a produção do negro de fumo e misturava em um silo as quantidades corretas de cada ingrediente.

Após 5 anos com este sistema, a Labortex foi ao mercado procurar uma solução tão eficaz quanto a que possuía, porém precisava que algumas necessidades encontradas junto a este sistema, fossem solucionadas. O valor da mensalidade do sistema era um dos principais fatores que motivaram a empresa procurar um novo fornecedor e, além disso, os equipamentos davam muita manutenção, o que aumentava o custo mensal da companhia.

Solução

Solução

Com o desafio de achar um novo sistema que aproveitasse a estrutura existente no local e que seus equipamentos atendessem as normas vigentes para áreas classificadas, a Labortex procurou a Toledo do Brasil em busca de uma solução que contemplasse todas as exigências da indústria de borrachas, “já conhecíamos as balanças da Toledo e fomos visitar um cliente que tinha esta solução antes de instalarmos a nossa”, relata Thiago Rodella, Coordenador de Desenvolvimento de Materiais da Labortex.

Com cerca de 180 toneladas de negro de fumo produzidas no mês, a Labortex foi o primeiro cliente do segmento de borracha a adquirir a solução da Toledo do Brasil. O sistema de dosagem automática da líder em pesagem no país, fez todo o processo de produção do negro de fumo ser automático. O operador programa o software Editor de Fórmulas e o terminal dosador ST35X controla a quantidade correta de cada ingrediente que será colocado no tanque misturador, agilizando a operação e reduzindo o tempo de preparo para novas fórmulas, “o software é simples e fácil de mexer. Em 5 minutos fazemos novas fórmulas”, comenta Cristiano Teixeira, Técnico do Laboratorio de Desenvolvimento de Materiais e um dos operadores do sistema de dosagem.

Ganhos

Ganhos

Os benefícios que a Labortex obteve com o sistema de dosagem foram além das expectativas da empresa. As 52 fórmulas utilizadas na fabricação do negro de fumo já estão no banco de dados do ST35X, desta forma o cadastro de novas fórmulas é mais rápido e mais eficiente. A dosagem correta que a solução faz permitiu também o controle de consumo mensal de cada ingrediente e reduziu as perdas de matérias primas da empresa.

Outro resultado positivo que a companhia validou foi o aproveitamento da estrutura existente no local para instalação da nova solução, sem necessidade de adaptações, “O Engenheiro responsável pelo produto visitou nossa fábrica para conhecer e garantir a eficiência do processo”, explica Thiago. O custo de manutenção do equipamento também foi um ganho que a Labortex conseguiu, já que além de não gastar com a mensalidade de licença do software, o sistema dosador possui Assistência Técnica própria diretamente com a fabricante.

 

Problema

ProblemaResumo

  • Alto custo de mensalidade do equipamento;
  • Excesso de chamados para manutenção;
  • Procurar novo sistema que deveria utilizar a estrutura existente no local;
  • Procurar novo sistema que deveria atender normas vigentes para áreas classificadas.
Implicações

ImplicaçõesResumo

  • Perda de matéria prima
  • Atrasos nas entregas aos clientes;
  • Retrabalho para produzir novos produtos.
Solução

SoluçãoResumo

  • Terminal dosador ST35X e software Editor de Fórmulas.
Ganhos

GanhosResumo

  • Sem custo mensal de licença do software;
  • Software simples e fácil de operar;
  • Controle do consumo mensal de cada ingrediente;
  • Dosagem correta e automática;
  • Redução de perdas de produtos e matérias primas;
  • Cadastro de novas fórmulas mais rápido e mais eficiente;
  • Aproveitamento da estrutura existente no local, sem necessidade de adaptações;
  • Assistência Técnica própria para manutenção do equipamento.

Se você notou alguma semelhança desse caso com as suas necessidades, a Toledo do Brasil pode resolver.
Entre em contato para mais informações.

Compartilhe

  • Pin it